WarpCast 29 – Mortal Kombat

Aproveitando o hype do lançamento de Mortal Kombat 11, chegou a hora de falarmos sobre como tudo começou. Para debater o primeiro jogo da franquia, JP Moraes, Oda Lemos e Mano Beto recebem Thiago Almeida (ZonaE) e William Floyd (Ultra Combo / Fermata Podcast).

Então pressione ABACABB e venha ouvir!

Edição e vitrine: JP Moraes

RECURSOS
Download em MP3
Se inscreva via RSS
Se inscreva no iTunes
Ouça pelo Spotify


LINKS DO EPISÓDIO

Conheça o ZonaE
Conheça o Ultra Combo
Conheça o Fermata Podcast
Compre o livro WarpZone Clássicos n° 1 Mortal Kombat
Vídeo do ZonaE “A violência justifica o sucesso de Mortal Kombat? | BGS 2018” com opinião do JP
Ouça o GeekZone 11 – Aventureiros do Bairro Proibido
Ouça o GeekZone 25 – O Grande Dragão Branco

Previous ArticleNext Article
  • Thiago De Almeida Silva

    Foi muito divertido relembrar esse super clássico!
    Obrigado mais uma vez pelo convite! Estamos ae sempre que precisar! 🙂

    • Sempre um prazer ter vc aqui conosco, Thiagão! <3

  • Tiago Ramos Melo

    Também conheci MK através dos botecos da vida, com muito patrocinio dos frequentadores (o famoso pedir moedas pra comprar fichas), era uma luta muito diferente e adorava as capturas dos personagens nas lutas sangrentas e sem contar os fatalities que eram espetáculo a parte. Jogava com o Liu Kang e foi que acostumei a lutar e seu fatality de estrela que empolga (estou mentindo viu aqui) qualquer mestre de artes marciais.
    Por ter um ambiente bem sombrio, tive vários pesadelos com os cenários (os lutadores menos), e a trilha que me arrepiava. Acho que fui um dos poucos (só eu e o JP (risos)) que jogamos a melhor versão dos consoles….. A DO MASTER SYSTEM. Quando vi o jogo, tudo bem diferente da versão, claro que não pode fazer milagres num console de 8 bits e muito limitado, mas era minha alegria pra tirar os colegas numas batalhas mortais. Mas adorei o cast lembrando desse classico das porradarias. Até a próxima e Toastyyyy!!!

    • Valeu pelo comentário,Tiagão!
      Olha, vou dizer que a versão do Master é honestíssima, sem clubismo algum. Inclusive, na minha humilde opinião, o MK 2 é o melhor jogo de luta dos Master System, não sei se você concorda. me divertia muito com esse jogo na infância.

      Valeu por ouvir mais uma vez, Tiago, tmj!

      • Tiago Ramos Melo

        Joguei a trilogia pro master, mas o 2 foi bem melhor . O 3 me assustava o modo bruttality em que o personagem corre e tira sua barra toda com um golpe kkk.

        • O 3 foi um dos meus grandes arrependimentos de jogos comprados no Master System junto com o Ren & Stimpy. =,(

          • Tiago Ramos Melo

            Você teve o jogo do Ren & Stimpy ???? auhauhahu acho que somos dois, mas adorava jogar, mas não sabia da animação da Nick

          • Pô, quando eu ganhei, eu zerei ele do começo ao fim. Se me lembro bem, ele tinha senha então facilitou bastante.
            Mas depois nunca mais joguei até o fim. Sempre o vejo muito repetitivo… =(

  • Junior Xavier

    Melhor segunda franquia de lutas sempre!!

  • Junior Maxx

    Me lembro bem do lançamento de Mortal Kombat nos fliperamas, a gente ficava impressionado com as “cenas violentas” o que sempre chamou a atenção no game e claro, a versão e Mega se deu melhor pelo fato do sangue ser liberado através de código e mais fluidez, apesar do gráfico e som serem abaixo!