WarpCast 2 – Cadê o meu manual?

Lembra da época que os jogos de videogame vinham com manual por padrão? Discutimos esse assunto comparando com os dias de hoje.

RECURSOS

PARTICIPANTES

  • Adão Kame
  • Cleber Marques
  • Rafael Marques
  • Roberto Tadeu Rodrigues
Previous ArticleNext Article
  • Ademilson Moreira

    Bom podcast pessoal. Me lembrei de qdo comprei meu SNEs e veio Mario Kart ao invés de Mario World e o manual era mto legal. Uma pena meu irmão ter sumido com a fita e com o manual.

  • Renato Batista

    Eu tenho uma história pessoal de amor pelos manuais. Comprei o jogo metal gear solid 4 e logo senti o peso da caixa. Quando a abri tive a felicidade indescritível de ver um livreto volumoso (cerca de 60 páginas). Resultado: Acabei comprando as versões americana(preto e branco) européia(colorido) e japonesa(colorida). O manual é super ilustrado e, até hoje, vez em quando abro o jogo só para folhear os manuais.

  • Sergio A. Vladisauskis

    A maioria dos meus jogos tem manuais (originais ou reproduções), infelizmente os jogos de PS3 está ficando cada vez mais escaços a papelada que vem dentro dos jogos, vc compra um lacrado e quando abre, é uma decepção. Como disseram neste podcast, só as versões de colecionador que valem um rim, as vezes nem valendo a pena a compra.

  • Pingback: WarpNews 001()

  • ManoBeto

    Adorei. Infelizmente hoje não cabe mais o manual no modelo de mercado atual. E para as sugestões do Cleber, existe (mais ou menos) as edições especiais. Tive poucos jogos com manuais, e dos poucos que tive, não me importava de emprestar não. Por sorte, voltaram intactos rs. Tive Turma da Mônica em O Resgaste e Aladdin do Master System (ambos comprados na época mesmo). Até consegui alguns jogos com manuais, mas bem depois do seu lançamento original, o que pelo menos pra mim, tirou um pouco do impacto sabe? Parabéns para todo o elenco das vozes do rádio.