GeekZone 41 – Jurassic Park


Está no ar mais um GeekZone, dessa vez para relembrar um clássico que levou milhões de pessoas ao cinema: Jurassic Park!
Sidney Rodrigues e JP Moraes recebem  Diego Ferreira (Elementar/Capuccino Cast) e Pedro Fortunato para falar desta obra fantástica de Steven Spielberg e Michael Crichton.
Então, vem ouvir!

RECURSOS
Download em MP3
Se inscreva via RSS
Se inscreva no iTunes

LINKS DO EPISÓDIO
Conheça o Elementar
Conheça o Capuccino Cast

 

 

Previous ArticleNext Article
  • Fábio Pacheco Alcantara

    Esse filme foi fantástico e deu uma guinada na indústria cultural nos anos 90. Eu não fui ver no cinema, esse filme nunca me encheu os olhos para ir no cinema mas, sempre que passa na tv eu paro para ver.

    As informações dessa produção mostram como faz diferença um grande diretor de cinema.
    Lembro dos jogos do mega que eram bem legais.

    P.S a frase mais marcante desse programa foi quando o cidão disse “eu não sei Unisys”.

  • Tiago Ramos Melo

    Pense num filme que adorava ver quando criança, tudo bem que me assustava com o T-Rex mas eu era fascinado com Jurassic Park, agradecer ao grande mestre Spielberg por criar essa grande obra.
    Eu vi na Tela Quente e nas Temperatura Máximas da vida, desde da origem de como foram feitos até o momento da fuga, foi desse filme que gostei das atuações do Jeff Goldblum, aquele jeito dele de “cara sério e humoristico”. A cena do Jipe onde o T-Rex aparece é a cena que ficava mais tenso quando muleque, quando falaram do efeito do copo de água, fiquei embasbacado por ser feito um acorde de violão (tinha que ser um violeiro bem foda, alá Gipsy Kings, pra fazer isso) e ficar bem circular. O “cara do TI” do filme com certeza é o cara mais FDP que vi, sendo espião e por $$$ foi sabotar toda a ilha e aquele “gif” dele rindo é a coisa mais bizarra.
    Bem que um dia poderiam falar dos jogos da franquia, estou com #TeamJP na versão de Master, mas tem que resaltar o grande clássico do 3DO também, jogava bastante na locadora e ficava até com medo de andar no laboratório escuro que tinha no jogo.